Example Example Example Example Example Example Example O presidente Ikeda observa: "É absolutamente impossível que alguém com uma conduta séria e sincera na fé não consiga ser feliz e prosperar ou que seu ambiente não consiga ser revitalizado. Este é o princípio universal do budismo. O coração é o que transforma tudo. Esta é a natureza prodigiosa da vida. É uma verdade irrefutável". Nam-myoho-rengue-kyo Nam-myoho-rengue-kyo Nam-myoho-rengue-kyo....


Pesquisa personalizada

15 de agosto de 2008

Receber Beneficios nessa existência

 Recebi por email da amiga Márcia, e ponho aqui por se espetacular.........

EXCELENTE ESSA MATÉRIA!!!

  Estou lendo e relendo e... relendo!!! rs rs...
  Bjkas.
  Márcia R.

  Orientação 

  A cada dia sinto a importância de termos gravados em nossos corações,para aplicar na vida diária,as orientações do nosso querido mestre.E também para incentivarmos nossos estimados companheiros, familiares e amigos.
  Gostaria de dividir esta orientação publicada no Brasil Seikyo.
   
   
  Brasil Seikyo 10 de junho 2000 nº1559
   

  Bodhisattva Perceptor dos Sons do Mundo já recebeu e aceitou o Sutra de Lótus. E agora os praticantes da Lei que aceitam e abraçam este sutra podem receber benefícios muito maiores que os [concedidos por] Perceptor dos Sons do Mundo. (Gosho Zenshu, pág. 776.)

  Pres. Ikeda: Tudo isso poderia ser resumido como o benefício de alcançar uma vida tranqüila e livre de acidentes. É por isso que o capítulo “Perceptor dos Sons do Mundo” também é chamado de“capítulo da boa saúde e da longevidade” .
   
  O presidente Toda descreveu esses benefícios usando palavras que podía-mos compreender com facilidade, dizendo assim:
   
  Se estiver liderando um negócio de sucesso e alguma calamidade se abater sobre você, se tiver convicção no Gohonzon, conseguirá evitar o desastre.
   
  Se alguém quiser causar-lhe problemas ou se sofrer uma grande perda, o problema cairá sobre a pessoa que o provocou e sua perda será transformada em ganho.
   
  Quando estiver sofrendo por causa de algo que deseja ou por alguma doença, se tiver fé no Gohonzon, os desejos mundanos serão transformados em iluminação e a maldade da doença perderá o poder.
   
  Caso caia de um despenhadeiro ou sofra um acidente de carro, se acreditar no Gohonzon, não ficará ferido.
   
  Se alguém tentar afastá-lo do emprego, se acreditar no Gohonzon, essa pessoa acabará sendo forçada a se demitir ou será rebaixada.
  Se alguém alimentar sentimentos de animosidade contra você ou tentar prejudicá-lo, se tiver uma forte fé, o sentimento dessa pessoa mudará.
   
  Mesmo que tenha de enfrentar uma execução, se tiver forte fé, será libertado. É isso o que significa ‘a espada do carrasco será quebrada em pedaços’; esse é o princípio que o próprio Daishonin demonstrou.
   
  Mesmo que seja preso, se tiver forte fé, será libertado e voltará para casa.
   
  Se alguém tentar prejudicá-lo ou difamá-lo, essa pessoa acabará exatamente nessa mesma situação. É isso o que significa o princípio de que o mal retorna àquele que o causou.
   
  Mesmo em uma violenta tempestade, aqueles que têm forte fé não serão prejudicados.
   
  Endo: A explicação do Sr. Toda é bem clara.
   
  Pres. Ikeda: É uma forma de benevolência apresentar as coisas de maneira que as pessoas consigam compreendê-las. Vocês, coordenadores do Depar-tamento de Estudo, usam termos muito complicados!
   
  Qualquer um pode fazer isso. Porém, ninguém conseguirá compreender o que estão tentando dizer. Isso não é “perceber os sons do mundo”. Não é isso o que o Sutra de Lótus ensina.
   
  Como fica claro com a explanação do presidente Toda, o capítulo “Perceptor dos Sons do Mundo” é uma prova documental do princípio“receber benefícios nesta existência”.Quando praticamos a Lei Mística,recebemos sem falha to-dos esses benefícios. No entanto, todos eles caem na categoria de “benefícios conspícuos”,benefí cios que se materializam de repente em um momen-to crítico. Mas é preciso salientar que nesta época dos Últimos Dias da Lei, embora com certeza recebemos os benefícios conspícuos, o ponto central da fé são os “benefícios inconspícuos”.
   
  Assim como uma semente se transforma em uma grande árvore com a pas-sagem do tempo, os ramos da boa sorte e do benefício aumentarão e darão flores à medida que dermos continuidade à nossa prática. Esse é o benefí- cio inconspícuo. Uma “árvore da boa sorte e do benefício” enraizada dessa forma no solo da vida não tombará. Ela ficará firme mesmo quando açoitada por uma violenta tempestade.
   
  Suda: Deve ser isso o que significam os benefícios que “são muito maiores do que os concedidos por [adorar] Perceptor dos Sons do Mundo, assim co-mo o céu está acima da terra e as nuvens estão acima da lama”.
   
  Pres. Ikeda: E isso pode ser interpretado como o grande benefício de atingir o estado de Buda. O presidente Toda caracterizou o estado de Buda como “felicidade absoluta” e “poderosa força vital”.
  Reiterando, quando praticamos o budismo, absolutamente experimentamos os benefícios conspícuos como os que foram mencionados anteriormente. Nós particularmente recebemos maravilhosos benefícios quando primeiro a-braçamos a fé e observamos que nossos sofrimentos mais próximos estão sendo resolvidos sem falha. Quando nos aprofundamos na fé com a convic- ção advinda dessa experiência inicial, recebemos benefícios incomparavelmente maiores que os que recebemos anteriormente. Esse é o benefício da vitalidade que floresce completamente.
   
  Endo: Essa é a revolução humana.
   
  Pres. Ikeda: Sim, nossa vida se revoluciona. Nós nos tornamos mais fortes e vigorosos. Em vez de sermos controlados e jogados de lá para cá pelas di-ficuldades, desenvolvemos uma força capaz de encarar o sofrimento de fren-te e vencê-lo com tranqüilidade.
  Para ilustrar, vamos supor que nossa força vital seja de magnitude um e enfrentamos um problema cuja magnitude seja dois ou três. Provavelmente, va-mos nos sentir desencorajados. Mas, se nos empenharmos com uma força vital de magnitude cem, mil ou dez mil, essas dificuldades não serão nada mais que distrações que deixamos de lado à medida que prosseguimos com alegria.
   
  O presidente Toda disse: “Estamos restritos neste mundo a todos os tipos de condições — nosso relacionamento com nossos pais, irmãos e amigos e também as coisas materiais, tais como roupas, moradia e impostos. Essa é a realidade de nossa vida diária. Mas, quando liberamos a ilimitada força vital de nossa vida, isso não nos causa mais sofrimento e conseguimos real-mente desfrutá-los. Em outras palavras, ficamos livres de seu controle.”

Nenhum comentário:

Pesquisa personalizada

e-referrer

Encontre seu par perfeito