Example Example Example Example Example Example Example O presidente Ikeda observa: "É absolutamente impossível que alguém com uma conduta séria e sincera na fé não consiga ser feliz e prosperar ou que seu ambiente não consiga ser revitalizado. Este é o princípio universal do budismo. O coração é o que transforma tudo. Esta é a natureza prodigiosa da vida. É uma verdade irrefutável". Nam-myoho-rengue-kyo Nam-myoho-rengue-kyo Nam-myoho-rengue-kyo....


Pesquisa personalizada

8 de setembro de 2008

Sinceridade e seriedade

BRASIL SEIKYO, EDIÇÃO Nº 1953, PÁG. A2, 30 DE AGOSTO DE 2008.

Recentemente, no Conselho Nacional Superior da Soka Gakkai realizado no dia 29 de
julho último, o presidente da SGI, Daisaku Ikeda, afirmou que a sinceridade e seriedade são fundamentais para se alcançar a vitória. Disse que a sinceridade é o mais nobre e grandioso caminho para se conquistar a eterna vitória como seres humanos. Comentou que sem seriedade, não se consegue desbravar o futuro nem é possível vencer a batalha entre o Buda e a maldade.

A sinceridade deve ser cultivada com toda a honestidade. Ser correto e leal consigo mesmo exige seriedade, responsabilidade e comprometimento. Nesse sentido, a sinceridade deve ser desenvolvida e aprimorada no coração, e a seriedade deve ser manifestada na ação.

Geralmente, o mortal comum tem a tendência de querer poupar a si mesmo e delegar aos outros o trabalho, principalmente o mais árduo. O presidente Ikeda disse também que tudo se define pela própria pessoa. A questão é se possui ou não a forte determinação de lutar e vencer infalivelmente, se está ou não preparada para enfrentar a batalha, se brilha ou não no seu coração a determinação de jamais ser
derrotada. A vitória na vida se define com essa postura.

Na leitura do sutra, no Gongyo, recita-se o trecho “quando ver o Buda é seu único pensamento, não hesitando mesmo que isso custe a própria vida” (i-shin-yô-ken- butsu, fu-ji-shaku- shin-myô). Em sua explanação, o presidente Ikeda cita: “A chave para abrir esse cofre (o coração que abriga o tesouro supremo do estado de Buda) é a fé ou a determinação de ‘ver o Buda’ e a prática de ‘não hesitando mesmo que isso custe a própria vida’. Em outras palavras, a base para atingir a iluminação está no espírito de procura e em uma prática séria e sincera”.

(Preleção dos Capítulos Hoben e Juryo, pág. 286.)

2 comentários:

Jhennifer Cavassola disse...

Obrigada pelo carinho! Suas palavras me fizeram tão bem nessa manhã.
Fico muito feliz!!!!

Tenha uma boa semana! Muita paz :)

Sabrina disse...

Oi Sonia,

que prazer receber sua visita lá no Jardim! Seja muito bem-vinda!

Obrigada pelo carinho e por semear seus pensamentos por lá.

A Jaque é um amorzinho por ter proporcionado esse encontro. Estou começando a conhecer o budismo mais de perto e tenho certeza que o seu espaço irá contribuir bastante para isso.

Já gostei daqui!!

:)

Um beijinho especial no seu coração iluminado ;*

Pesquisa personalizada

e-referrer

Encontre seu par perfeito